Image
Caminho das Araucárias

Tipo: Trilha Nacional
Inicio: Canela/RS
Final: Urubici/SC
Modal: Caminhada, Bike e Equestre
Bioma: Mata Atlântica
TLC que faz parte: Trilha Oiapoque ao Chuí
Associação que implementa a trilha: Movimento Caminho das Araucárias

Atrativo Observação de Aves
Atrativo Mirante
Atrativo Pico
Atrativo Observação de Fauna
observação de aves
mirante
pico
observação de fauna
Atrativo Cachoeira
Atrativo Banho
Atrativo Gruta
Atrativo Museu
Cachoeira
Banho
Gruta
Museu
Ficha Técnica
Distância: 600 km
Duração: 30 dias
Percentual implementado
36%

Descrição da trilha

O Caminho das Araucárias, integrante da Rede Brasileira de Trilhas, compreende um percurso de aproximadamente 600 Km de trilhas e estradas sinalizadas, nos estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina. O caminho dispõe de trechos que podem ser feitos à pé, de bicicleta ou à cavalo, possibilitando ao viajante contato com belas paisagens, campos, rios, matas, comunidades tradicionais e a cultura local. A diversidade de ambientes e de atrativos permite descanso, aventura e surpresas, como o encontro com belas aves da nossa região.
As Unidades de Conservação conectadas pelo Caminho das Araucárias estão em regiões com clima ameno no verão e bastante frio no inverno, com temperaturas que podem ser menores do que 0 grau, fato que faz com as paisagens se transformem ao longo do ano, merecendo mais de uma visita em épocas diferentes!

O Caminho das Araucárias tem se tornado realidade através da dedicação e trabalho de muitos voluntários, gerando sentimento de pertencimento em cada pessoa que doa seu tempo para a trilha. Aproveitamos para te convidar para fazer parte dessa história também, seja como voluntário em uma ação pontual ou participando do grupo de trabalho do Caminho das Araucárias, tua ajuda será bem-vinda!
Conectando paisagens e pessoas no sul do Brasil
Movimento Caminho das Araucárias

Informações Gerais

O Caminho das Araucárias tem como meta conectar o Parque do Caracol, no município de Canela/RS até o Parque Nacional de São Joaquim, no município de Urubici/SC, passando pela Floresta Nacional de Canela/RS, pelo Parque Natural Municipal da Ronda/RS, pela Floresta Nacional de São Francisco de Paula/RS, pela Área de proteção ambiental Rota do Sol, pela Estação Ecológica Aratinga/RS e pelos Parques Nacionais da Serra Geral/RS e Aparados da Serra/RS, podendo ainda aumentar o percurso para visitar o Parque Estadual do Tainhas/RS, além de propriedades parceiras que já fazem parte do caminho.

No momento a implementação e sinalização do percurso de 212 Km ainda não estão concluídos, portanto é necessário entrar em contato com as Unidades de Conservação ou através do email caminhodasaraucarias@gmail.com para solicitar informações atualizadas das trilhas.

Histórico

A história do Caminho das Araucárias iniciou em 2017, na Floresta Nacional de São Francisco de Paula, com a Oficina de Manejo e Sinalização de Trilhas ministrada pelo ICMBio, que teve a participação das equipes das unidades de conservação que integram o caminho, da Federação Gaúcha de Montanhismo, guias da região e entusiastas das caminhadas. Essa oficina segue como marco importante por sinalizar o primeiro trecho do caminho e reunir pessoas com um sonho em comum: fortalecer a conservação da natureza e gerar oportunidades para as pessoas nos locais por onde o Caminho das Araucárias passar.

Curiosidades

O trecho mais ao extremo sul do Brasil homenageou em seu nome uma árvore que faz parte da cultura e do imaginário dessa região, a Araucária. Uma espécie icônica por sua forma, com caule reto e copa em forma de cálice que se abre acima das copas das outras árvores da floresta das regiões mais altas do RS e SC. Sua semente, o pinhão, é muito apreciado pelos animais, mas também está presente na gastronomia de toda a região, sendo um atrativo a mais principalmente nos meses de inverno.

Atrativos:

Aspectos históricos , banho de cachoeira, experiências gastronômicas, mirante, observação de aves, observação de fauna.
0KM
TRILHAS
0
UNIDADES DE CONSERVAÇÃO
0
MUNICÍPIOS
0UF
UNIDADES FEDERATIVAS

Copyright © 2020
Associação Rede Brasileira de Trilhas de Longo Curso (Rede Trilhas)

Hospedagem: apoio Onlink